15

mai

2016

MÉDICO PAULO BORÓ É HOMENAGEADO PELA CÂMARA MUNICIPAL

Postado por: keller stocco

O médico anestesista, (Dr) Paulo Norberto Salati Marcondes, o conhecido Paulo Boró, foi homenageado pela Câmara Municipal de Americana (SP), na noite desta sexta – feira (13).

Ele foi escolhido como o médico do ano, no prêmio “Profissionais de Saúde do Ano”. A homenagem é destinada aos profissionais da área de saúde que se destacaram em suas atividades no município. O projeto de decreto legislativo, é de autoria dos vereadores Celso Zoppi e Reinado Chiconi, aprovado em 2011. Outros profissionais também foram homenageados.

BIOGRAFIA

Paulo Boró, é formado em medicina pela USP de São Paulo desde 1977, em anestesiologia. Foi convidado a desenvolver suas atividades ainda na capital, mas optou pelo interior. Na década de 1980, foi o primeiro médico contratado para trabalhar no récem-inaugurado Hospital Municipal Waldemar Tebaldi, onde continua se dedicando com profissionalismo ao atendimento à comunidade.

Ele é casado com a psicanalista Cristina Delfalque Marcondes e tem 3 filhos: Gabriel, Felipe e Maíra.


VEJA MAIS

0 Comentários

09

mai

2016

VOCÊ É DEPENDENTE?

Postado por: nwmidia

Estamos tão familiarizados com o termo dependente quando nos referimos à uma pessoa que é dependente de substancias exógenas, ou seja substâncias específicas (álcool, cocaína, crack, cigarro, comida, heroína, psicotrópicos, etc.) que necessita ser adquirida do meio externo para suprir necessidades internas. Será que estamos bem certos disso? Existe algum outro tipo de dependência?

Vamos comparar o nosso cérebro como uma fábrica. Nessa fábrica são sintetizadas e liberadas várias substâncias para nosso organismo, conforme necessitamos. Elas são liberadas pelo cérebro e se fixam em receptores que se localizam na parede de nossas células e realizam sua função . Acontece que o dependente quando faz uso de uma droga, por exemplo a heroína, ela se liga no receptor da célula ocupando assim o local que deveria ser ocupado pelas substâncias (endorfinas) que o cérebro produz, e depois com o uso continuo que faz da heroína, o cérebro inibe ou diminui a produção de endorfinas (substância que gera sensação de prazer) e a pessoa precisa cada vez mais da heroína para ter prazer, tornando-se um dependente químico.

Pergunta-se para que eu preciso saber disso? Não faço uso de drogas e nem de álcool. Acontece que as nossas emoções também produzem substâncias(peptídeos) ou moléculas de emoção (MDEs), que se ligam aos receptores das nossas células, e cumpre sua função de confortar e gerar prazer ou de desconforto e mal estar. Quando temos emoções repetidas, nossas células se tornam dependentes e precisamos cada vez mais desse tipo de emoção. Não podemos deixar de analisar que as dependências emocionais são o motivo para continuarmos a criar a nossa realidade do jeito que é. Verificando a questão por esse ângulo concluímos que somos responsáveis pelo nosso destino e realidade.

Exemplificando alguns tipos dependência emocional, são aquelas pessoas que repetem constantemente a mesma situação, e que prometem que não farão mais certo tipo de coisa e acabam fazendo, que não conseguem mudar a realidade, que se casam várias vezes com o mesmo tipo de personalidade do cônjuge anterior, por exemplo: Mulher casada, espancada constantemente pelo esposo, cansada da situação resolve abandoná-lo, depois de algum tempo casa novamente e é espancada pelo novo companheiro, muitas vezes a pessoa está tão viciada em maus tratos que procuram e se interessam por pessoas que vão maltratá-las, podendo ser amigos, patrões, filhos, pais e etc. Conclui-se que o problema não está no esposo ou em outras pessoas, ela tem necessidade de ser agredida, então busca de alguma forma criar a situação para que isso aconteça, ela é dependente da emoção de maus tratos, suas células necessitam do hormônio que deixam essa pessoa mal e doente.

Todos nós somos dependentes de algo em maior ou menor grau, basta analisarmos nossas vidas e a realidade que vivemos. Precisamos ter consciência em qual substâncias somos viciadas, e qual a melhor maneira de quebrar esse ciclo vicioso. Se não gostamos do que vemos temos a sorte de poder mudar o nosso destino, mas para que isso aconteça precisamos desejar ardentemente a mudança, e precisamos ter foco para uma nova situação.

Um ótimo livro que explica todo esse processo de alimentação de nossas células, de como a dependência se forma é MOLECULAS DE EMOÇÃO da autora Candace Pert.

Se olhem, se conheçam, se amem, se curem.

Cristiane Renata C.C.A.Silva.

Terapeuta Floral e Coach.

Facebook: Cristiane Camargo Florais de Bach.

Telefone: 19. 3027-2511


VEJA MAIS

0 Comentários

28

abr

2016

IDOSOS TAMBÉM PODERÃO SER VACINADOS A PARTIR DESTE SÁBADO

Postado por: keller stocco

Em comunicado enviado nesta quarta-feira, 27 de abril, às redes municipais de Saúde do interior, a Secretaria Estadual de Saúde alterou novamente o
calendário das etapas da Campanha Nacional de Vacinação Contra Influenza (Gripe) no Estado de São Paulo. Foram “unificados” os dois primeiros grupos que
serão imunizados, de forma que agora os idosos também poderão ser vacinados já a partir do “Dia de Mobilização” (ou “Dia D”), que é este sábado, dia 30 de
abril, das 8 às 17 horas.
Permanecem no primeiro grupo, devendo ser vacinados a partir deste dia 30, as crianças entre 6 meses a menores de 5 anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29
dias), as gestantes, as puérperas (mulheres até 45 dias após o parto) e os profissionais de Saúde que trabalham nos hospitais e unidades de Pronto
Atendimento públicos e privados e nas Unidades Básicas de Saúde.
Já as pessoas com doenças crônicas e os reclusos – incluindo portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, entre
outros – poderão procurar um Posto de Vacinação a partir do dia 9 de maio, e não mais a partir do dia 16, como estava previsto anteriormente.
Nesta campanha, que vai até o dia 20 de maio, serão vacinadas, de maneira escalonada, apenas as pessoas que pertencem aos grupos considerados de risco pelo
Ministério da Saúde (que são os grupos citados acima). Esse cronograma foi estipulado pela Secretaria da Saúde do Estado, por meio do Programa Estadual de
Imunizações, sem qualquer participação das prefeituras do interior.


VEJA MAIS

0 Comentários

27

abr

2016

BANCO DE SANGUE NECESSITA DE DOADORES

Postado por: keller stocco

O Banco do Sangue do Hospital Municipal Waldemar Tebaldi, em Americana, está com falta de todos os tipos sanguíneos, mas principalmente de O positivo e negativo e A negativo. Com os estoques de bolsa muito baixos, todos os tipos de sangue estão sendo coletados.

O doador precisa seguir algumas recomendações:

– Não estar em jejum;

– Repouso mínimo de 6 horas na noite anterior à doação;

– Não ingerir bebida alcoólica nas 12 horas anteriores;

– Evitar fumar pelo menos 2 horas antes da doação;

– Evitar o consumo de alimentos gordurosos nas 3 horas anteriores à doação;

– Apresentar documento com foto válido no território nacional;

– O doador deve ter entre 16 e 69 anos. Menores de idade devem estar acompanhados dos pais;

– Necessário ter acima de 50 kg e estar bem de saúde.

O Banco de Sangue está localizado na Avenida da Saúde, nº 415, no Jardim Nossa Senhora de Fátima, e funciona de segunda a sexta, das 8 às 11h30. Os doadores devem entrar pela portaria de internação. O telefone para contato é o 3468 1739.

 


VEJA MAIS

0 Comentários

26

abr

2016

VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE SERÁ EM 3 ETAPAS

Postado por: keller stocco

O Ministério da Saúde divulgou novas regras para a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, que começa neste sábado, dia 30. Para melhor atendimento, a imunização será feita por etapas, dividindo os grupos considerados prioritários. Secretário de Saúde de Nova Odessa, Sérgio Molina orientou para que os pacientes sigam as datas estipuladas, evitando assim filas e contratempos na imunização.

Estas mudanças foram feitas para otimizar a vacinação. O Ministério da Saúde já tinha sinalizado que a quantidade de doses não seria suficiente para este início da campanha devido a grande procura registrada. Recebemos esta semana a orientação sobre a divisão dos grupos prioritários”, afirmou.

Segundo Molina, no sábado (30) as cinco UBSs (Unidades Básicas de Saúde) de Nova Odessa estarão abertas das 8h às 17h imunizando os pacientes indicados. De acordo com a determinação do Ministério da Saúde, a partir de sábado serão imunizados apenas as crianças entre seis meses de idade e cinco anos incompletos, profissionais da saúde, gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto).

Pessoas com mais de 60 anos serão vacinadas apenas a partir do dia 09 de maio. Já os portadores de doenças crônicas e reclusos serão imunizados na terceira etapa, que começa dia 16 de maio. “Os grupos foram divididos em três etapas e peço que a população respeite as prioridades e datas determinados pelo Ministério”, afirmou.

IMUNIZAÇÃO – A vacina da gripe que será aplicada durante a Campanha Nacional protege contra três subtipos do vírus da gripe: H1N1, H3N2 e influenza B.

Sei que existe grande procura pela população em relação à vacina, diante dos casos recentes relacionados à doença registrados em nossa região. No entanto, o Ministério da Saúde está enviando apenas doses para atender aos grupos prioritários”, reforçou Molina.

Ele destacou que pessoas que não estão nos grupos indicados pelo Ministério da Saúde e que queiram receber a vacina devem procurar a rede particular.

SERVIÇO

Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe

O horário de vacinação nas cinco UBSs (Unidades Básicas de Saúde) de Nova Odessa durante a campanha é de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 13h às 15h. No dia 30 de abril – o Dia D -, o atendimento será das 8h às 17h.

Confira os endereços dos postos de vacinação:

UBS 1: Avenida Carlos Botelho, 3 – Centro

UBS 2: Rua São Paulo, 65 – Jardim São Jorge

UBS 3: Rua Sigesmundo Anderman, 731 – Jardim São Manoel

UBS 4: Rua Louis Francescon, 65 – Jardim São Francisco

UBS 5: Rua das Imbuias, 65 – Jardim Alvorada

Já em Americana (SP), a assessoria de imprensa ainda não emitiu nenhuma nota sobre a vacinação.

 


VEJA MAIS

0 Comentários

20

abr

2016

MEDICINA QUÂNTICA: PREVENÇÃO E SOLUÇÃO PARA SUA SAÚDE

Postado por: nwmidia

A medicina convencional ou cartesiana baseada na teoria materialista de Newton, é a base para a formação acadêmica de um futuro médico, e sem ela não teremos médicos para nos atender e nos orientar, sendo portanto a eleita para tratar todas as enfermidades que se apresenta para o momento, mas infelizmente tem suas falhas e limitações, deixando vários pacientes e até alguns próprios médicos frustrados com os resultados obtidos. Essa medicina ainda funciona de uma certa forma como verificamos todos os dias, mas podemos escolher uma nova opção de tratamento a Medicina Quântica que é mais ampla na hora do diagnóstico. Atualmente o avanço tecnológico cooperou muito na evolução da medicina, existem vários aparelhos de biofeedback indolores que são colocados na cabeça, pulsos e tornozelos do paciente, e tem a função de captar as ondas eletromagnéticas emitidas pelo paciente, diagnosticando a origem do desequilíbrio ( física, mental ou emocional) de sua saúde. Exemplo: Um paciente chega com enxaqueca no consultório, então são colados em seus pulsos, tornozelos e cabeça alguns eletrodos, que são conectados a um computador e será captado sua ondas eletromagnéticas, serão acrescentados também algumas placas para verificação de bactérias, vírus, células e etc. Depois de terminado a captação dessas ondas o médico terá um protocolo detectando a origem de sua enxaqueca e assim entrará com os recursos necessários para seu restabelecimento e cura. É importante salientar que a Medicina Quântica é uma excelente ferramenta para prevenção de doenças ou seja quando a pessoa está não está com sintomatologia no corpo físico.

Esses aparelhos tem como base os conhecimentos da Física ou Mecânica Quântica, dessa forma deu-se o nome de Medicina Quântica.

A Medicina Quântica é mais um recurso para que o médico possa tratar seu paciente de uma forma mais ampla e com grande sucesso na prevenção e cura de suas enfermidades.

Somente um médico capacitado em Medicina Quântica pode oferecer esse recurso aos seus pacientes.

Cristiane Renata C.C.A.Silva

Terapeuta Floral e Coach

Tefefone: 19.3027-2511

Facebook: Cristiane Camargo Florais de Bach


VEJA MAIS

0 Comentários

06

abr

2016

LDN Naltrexone: Descoberta importante para cura do câncer e outras doenças.

Postado por: nwmidia

Naltrexone em altas doses é um medicamento utilizado para tratamento de alcoolismo, e em baixas doses é uma promessa para pessoas com câncer, portadores do vírus HIV, doenças auto-imunes, esclerose múltipla, doenças do sistema nervoso central ente outras.

Como funciona LDN Naltrexone em baixas doses? Foram realizadas várias pesquisas ao longo de mais de 20 anos indicando que as endorfinas fabricadas por nós mesmos regulam nosso sistema imune.

Segundo o médico Dr. Mercola, quando a pessoa ingere LDN na hora de dormir, ele bloqueia os seus receptores opióides por algumas horas no meio da noite, e acredita-se que promove a regulação de elementos vitais do sistema imunológico aumentando a produção de endorfinas(opióides naturais) e metenkephalin, melhorando, portanto, a função imunológica. Dr. Bernard Bihari descobriu que LDN age como agente terapêutico em AIDS em 1.985 , e ele acredita que tem ação anti-câncer, devido o aumento no número e densidade de receptores de opióides nas membranas de células tumorais, tornando-as mais sensíveis aos efeitos inibidores do crescimento dos já presentes em níveis de endorfinas, os quais por sua vez, induz a apoptose(morte celular) de células cancerosas.

Dr. Bernard Bihari conseguiu sucesso com o LDN baixas doses no tratamento em mais de 450 pacientes com vários tipos de cânceres. Segundo ele quase um quarto de seus pacientes obtiveram 75% na redução no tamanho do tumor e quase 60% de seus pacientes demostraram estabilidade da doença, com isso eles melhoraram, tiveram mais tempo de vida e com qualidade.

Existem várias pesquisas e relatos que conferem que LDN Naltrexone realmente funciona de forma eficiente em vários tipos de doenças sendo portanto uma verdadeira promessa de longevidade e qualidade de vida aos pacientes que fazem uso desse medicamento, além de quase não ter nenhum efeito colateral.

O interessante que ele é medicamento acessível, pois é barato e de fácil uso, um comprimido a noite de 3mg ou 4,5 mg conforme a patologia, mas precisa de receita para ser manipulado. O mais triste é que poucos médicos conhecem esse medicamento e sua eficácia, ficando dessa forma desconhecido da população, e as pessoas sofrendo e gastando muito em em medicamentos que trazem mais efeitos colaterais do que curam.

Para aqueles que se interessam pelo assunto existe na internet pesquisas e vídeos de médicos relatando suas experiências com seus pacientes e a regressão de suas patologias.

Estou a disposição para algumas dúvidas.

Cristiane Renata C.C.A.Silva

Terapeuta Floral e Coach. E-mai: crisre_camargo@hotmail.com

Facebook: Cristiane Camargo Florais de Bach

Telefone: 19.3027-2511


VEJA MAIS

0 Comentários

16

mar

2016

RIR O MELHOR REMÉDIO

Postado por: nwmidia

O que o riso e a gargalhada tem de tão interessante que é considerado por muitas pessoas e por vários médicos como o melhor remédio?

Eles tem o poder de liberar endorfinas no organismo gerando a sensação de bem estar e consequentemente promovendo a saúde. As endorfinas são neuro-hormônios produzidos pelo hipotálamo no cérebro através de um estimulo, como por exemplo exercícios físicos, comer um alimento que de prazer, (ex: chocolate, sorvete etc.) e uma boa dose gargalhada, aquela de verdade, que sai de dentro da pessoa com vontade. O mais interessante que não é a quantidade de gargalhadas e sim a qualidade.

As endorfinas possuem várias funções em nosso corpo, tem efeitos analgésicos nas inflamações, participa da produção do desejo sexual, modulam o apetite, fornece conforto, inibem o stress, promovem a alegria e otimismo. Quando elas estão em falta no organismo ocorrem problemas como tristeza, apatia, mal humor, depressão, pessimismo e doenças.

Quando acontece algo que nos deixa triste e apáticos, e isso acontece com todos em algum momento da vida, não devemos fingir que não aconteceu nada e colocar uma máscara de alegria e felicidade, mas sim vivenciar o momento, digerir a situação e fazermos o melhor para sairmos do estado negativo.

O povo brasileiro é diferente de outros povos no sentido de humor, nós temos um senso de humor bem elevado, isso é de nossa cultura, e podemos aproveitar disso para gerarmos saúde para nós mesmos.

Emoções negativas geram deficiências de endorfinas e causam doenças tanto de ordem emocional como física.

O estado de humor contagia, que sejamos contagiados e que, contagiamos aos outros com uma boa dose de bom humor, que possamos dar ótimas gargalhadas, sorrir sempre, cantar, brincar, que voltamos a ser crianças. Que não contagiamos nossas crianças com nosso péssimo humor, que não destruímos a pureza e alegria que reinam em suas vidas.

Interessante é liberarmos endorfinas constantemente para manutenção de nossa saúde, uma forma muito interessante é assistir vídeos na internet sobre gargalhadas, esses vídeos contagiam e quando percebemos estamos gargalhando juntos, assistir comédias é uma ótima opção, com certeza vamos rir muito, e ainda promovendo nossa saúde.

Cristiane R.C.C.A.Silva.

Terapeuta Floral e Coach. crisre_camargo@hotmail.com

19.3027-2511

Face: Cristiane Camargo Florais de Bach.


VEJA MAIS

0 Comentários

14

mar

2016

DOE SANGUE

Postado por: keller stocco

O banco de sangue do Hospital Municipal Prefeito Waldemar Tebaldi de Americana (SP), necessita de doadores. O estoque está muito abaixo da média.

O Banco de Sangue do Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi atende vítimas de acidentes graves (como os automobilísticos), pequenas e grandes cirurgias, pacientes com doenças graves cujo organismo não é capaz de produzir as células sanguíneas necessárias, doenças do sangue, portadores de câncer diversos e de leucemia, além de adultos, gestantes e crianças internadas no Hospital Municipal e no hospital da Unimed Americana e Santa Bárbara d´Oeste.

    Para tornar-se doador de sangue basta ser maior de 18 anos, pesar mais que 50 quilos, não ser portador de doenças transmissíveis pelo sangue e estar há 24 horas sem ingerir álcool e 2 horas sem fumar.

    As pessoas interessadas podem comparecer à sede do Banco de Sangue do Hospital Municipal, de segunda a sexta-feira, das 8 às 11h30, munidas de documento de identidade com foto. O Banco de Sangue fica na Avenida da Saúde, nº 415, no Jardim Nossa Senhora de Fátima. Doe sangue, doe vida!


VEJA MAIS

0 Comentários

09

mar

2016

AMERICANA REGISTRA CASOS DA SUPERBACTÉRIA KPC

Postado por: keller stocco

Americana registra casos da superbactéria KPC. O blog recebeu a informação que alguns pacientes foram contaminados no Hospital Municipal Waldemar Tebaldi e estariam isolados para evitar a contaminação de outros pacientes. A assessoria de imprensa da prefeitura emitiu uma nota na manhã desta quarta- feira (09) :

Segundo informações do Hospital Municipal “Dr. Waldemar Tebaldi”, do diteror clínico, Dr. Luiz Fernando, dois pacientes apresentaram quadro clínico a presença da bactéria KPC.Um paciente estava na UTI, teve alta, mas faleceu ontem (8/3) devido uma doença crônica que já estava instalada.Outro paciente, encontra-se no isolamento, com quadro estável, em boas condições de saúde.

O diretor superintendente da Fundação de Saúde de Americana, Dr. Nilton Lobo, informou ao blog que não existe um surto da bactéria no Hospital Municipal, e medidas de prevenção foram adotadas.

ATUALIZANDO : Por volt das 14h00 desta quarta (09), assessoria de imprensa da secretaria de saúde emitiu uma nova nota :

Segundo informações do Hospital Municipal “Dr. Waldemar Tebaldi”, do diteror técnico Dr. Paulo Marcondes, dois pacientes apresentaram quadro clínico com a presença da bactéria KPC.Um paciente (homem, 70 anos, de Americana) estava na UTI, mas faleceu ontem (8/3) devido às complicações de uma doença crônica que já estava instalada (pancreatite). Deu entrada em 15/1/2016.Outro paciente (homem, 27 anos, de Americana) encontra-se no quarto, isolado, estado estável. Deu entrada em 2/12/2015 com ferimento a bala e passou por cirurgia naquela ocasião.

Após várias informações desencontradas, foram confirmadas duas mortes no HM, e outros dois pacientes continuam internados. Pelo menos 7 pessoas foram contaminadas.

KPC

A bactéria KPC (Klebsiella pneumoniae Carbapenemase) é um microorganismo que foi modificado geneticamente no ambiente hospitalar e que é resistente aos antibióticos. Os primeiros casos do microorganismo foram detectados em pacientes internados em UTI, nos Estados Unidos. No Brasil, até 2012, foram identificados 135 casos suspeitos e confirmados em hospitais do Distrito Federal, até a data presente.

A bactéria KPC, a“superbactéria”, foi identificada pela primeira vez nos Estados Unidos no ano 2000, depois de ter sofrido uma mutação genética, gerando uma resistência a vários antibióticos (carbapenêmicos, especialmente) e a grande capacidade de tornar resistentes outras bactérias. A bactéria KPC pode ser encontrada na água, em fezes, no solo, em vegetais, cereais e frutas. O contágio ocorre em ambiente hospitalar, pelo contato com secreções do paciente infectado, desde que não sejam respeitadas normas básicas de desinfecção e higiene.

A Klebsiella pneumoniae é uma bactéria comum, que normalmente não causa danos a pessoas saudáveis. Geralmente estão associadas à infecções urinárias.
A KPC significa: Klebsiella Pneumoniae produtora de Carbapenemase. É um tipo de Klebsiella que foi modificada geneticamente, capaz de produzir a enzima carbapenemase contra diversos antibióticos.(obrigado a Evelly Lins pelas informações)

A KPC pode causar pneumonia, infecções sanguíneas, no trato urinário, em feridas cirúrgicas, enfermidades que podem evoluir para um quadro de infecção generalizada, muitas vezes, mortal. Crianças, idosos, pessoas debilitadas, com doenças crônicas e imunidade baixa ou submetidas a longos períodos de internação hospitalar (dentro ou fora da UTI) correm risco maior de contrair esse tipo de infecção. A resistência aos antibióticos não é um fenômeno novo nem específico da espécie Klebsiella. Porém, esses germes multirresistentes não conseguem propagar-se fora do ambiente hospitalar. Informações obtidas através do website do Dr. Drauzio Varella

 

 

 

 

 

 


VEJA MAIS

0 Comentários



POSTS RECENTES

Páginas:«123456»